Nossos Insights

Conteúdos e análises sobre o que impacta seus investimentos

Winning the Losers’ Game, de Charles Ellis

winning-the-losers-game

Charles Ellis é professor de Yale e Harvard e consultor de vários fundos de pensão e endownments nos EUA. Winning the Losers’ Game é um best-seller na sua sétima edição e a introdução foi feita por David Swensen.

A ideia central é de que investimento é um losers’ game. Ou seja, para o sucesso de longo prazo é muito mais importante não cometer grandes erros do que obter grandes acertos.

O livro

No começo do livro, o autor faz uma analogia com jogos de tênis jogado por profissionais e por amadores. Os profissionais jogam um winners’ game, em que têm um enorme controle dos golpes. Ganha o jogador que consegue bater a bola mais forte e/ou mais perto da linha para deslocar o adversário ou levá-lo ao erro. Por sua vez, no jogo dos amadores, como em investimento, os golpes são muito imprecisos. Em investimento, a incerteza sobre o futuro faz esse papel. Assim, ganha quem consegue passar a bola para o outro lado para deixar o outro errar.

A maior parte da obra é dedicada ao argumento de que os investidores deveriam investir em ETF’s (Exchanged Traded Fund), ao invés de escolher gestores ativos ou tentar fazer stock picking. Ele diz que o desenvolvimento do mercado americano nos últimos 30 anos fez com que se tornasse altamente eficiente e muito difícil de ser batido com consistência.

Análises

Dessa forma, ele faz análise dos retornos dos fundos ativos americanos. E chega a conclusões parecidas com as dos papers de Eugene Fama dos anos 90. Que são: os gestores entregam, em média, performances líquidas de taxas que são inferiores aos índices de mercado. A maioria dos que batem o mercado em um período acabam perdendo nos períodos subsequentes. São pouquíssimos os que superam o mercado no longo prazo. E, como é quase impossível identificá-los a priori, os investidores não deveriam nem tentar.

Ao invés de gastar tempo e energia com essa tentativa de bater o mercado, os investidores deveriam focar na tarefa mais importante. Que, por sua vez, é definir um plano de investimento de longo prazo com o mix correto de ativos e manter-se nesse plano. Para ele, o percentual que deveria ser investido em ações é bem alto.

Ao longo de Winning the Losers’ Game, Ellis trata também dos vieses comportamentais. O autor traz uma discussão sobre o conflito entre agente vs. principal investidor a que os gestores estão expostos. Além disso, argumenta que os horizontes de poupança e investimento. Afirma que deveriam ser muito mais longos do que as pessoas normalmente têm em mente – preferencialmente 50-80 anos (multigeracional).

Conclusão

O livro é muito bom, mas o leitor tem que entender o contexto e o foco do autor. Ele trata “o mercado” de forma homogênea. Faz generalizações que se aplicam bem aos mercados mais líquidos e desenvolvidos, como o americano. Sendo assim, não se propõe a analisar nuances nem nichos de mercado onde a eficiência de precificação pode ser muito menor.

Leia mais análises sobre investimento em Leituras do Gestor.

Os comentários estão desativados.

Quer investir
ou tem alguma dúvida?

Entre em contato

Rua Funchal
n. 375 • Conjuntos 151 e 152
CEP. 04551-060
Vila Olímpia
São Paulo

Ver mapa no google
ANBIMA
Como Investir